Please reload

Posts Recentes

O vizinho não quer consertar o vazamento, e agora?

August 7, 2018

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

Aterramento evita choques e perda de aparelhos eletroeletrônicos

April 30, 2019

Apesar de o Brasil ser campeão mundial na incidência de descargas elétricas, que provocaram a morte de 1.790 pessoas entre 2000 e 2014, segundo dados do Grupo de Eletricidade Atmosférica do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), muitas residências brasileiras não possuem aterramento elétrico. Quando há a ligação de uma fase da casa na terra, há maior proteção contra raios ou fugas de corrente, que podem ocorrer naturalmente em alguns aparelhos eletroeletrônicos.

O problema é que a falta do sistema de aterramento deixa os aparelhos da casa vulneráveis a variações de tensão – comuns na rede elétrica –, que podem provocar a queima dos equipamentos que estejam conectados à tomada, podendo colocar em risco a vida do usuário.

Segundo o engenheiro eletricista Hilton Moreno, consultor do Instituto Brasileiro do Cobre (Procobre), o aterramento é o caminho natural e seguro para a circulação de correntes de fuga e descargas atmosféricas. Na ausência desse sistema, aumenta muito o risco de uma pessoa sofrer choque elétrico ou ter os aparelhos queimados.

 

"Todo equipamento com carcaça metálica, industrial ou doméstico, a exemplo de fogões, geladeiras, computadores, fornos elétricos, micro ondas, pode sofrer uma falha e perder o isolamento. Neste caso, a carcaça metálica, uma vez energizada, ocasiona o choque", alerta o especialista.

O terminal de aterramento, ou popularmente chamado de fio terra, que corresponde ao terceiro pino da tomada, deve ser ligado ao sistema de aterramento da edificação. "O uso obrigatório da tomada de três pinos, em 2011, determinado pelo Inmetro [Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia], segue a norma técnica ABNT NBR 14136 e contempla o sistema de aterramento. Isso, no entanto, não foi suficiente para que os proprietários de imóveis, especialmente mais antigos, renovassem suas instalações", comenta o engenheiro.

Além do fato de o aterramento não ser condição necessária para um equipamento funcionar, segundo Hilton Moreno, há o desconhecimento por parte dos proprietários de imóveis e até mesmo por profissionais da área elétrica sobre os riscos relacionados à falta do uso adequado do fio terra nas edificações.

Vale lembrar que a existência do terceiro pino da tomada, sem o aterramento adequado, é incapaz de produzir o efeito de segurança pretendido.

Além das descargas, durante as chuvas de Verão é comum a interrupção no fornecimento de energia por parte das concessionárias. Para os aparelhos eletroeletrônicos, o aterramento também é importante para evitar queimas em decorrência das variações de tensão. "Um dispositivo de proteção contra surtos, capaz de detectar anomalias na tensão elétrica, deve ser ligado ao fio terra, para direcionar as elevações bruscas de tensão para o sistema de aterramento e inibir as queimas dos eletrodomésticos", orienta o especialista.

 

Fonte: www.revistaencontro.com.br

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga